menu

Rotação de Stocks e outros Kpi's

Rotação dos stocks - mas é preciso rodar os stocks como se fossem garrafas de vinho espumante?

Esta é uma das métricas-chave (Kpi) da gestão da cadeia de fornecimento, pois indica quantas vezes o stock é renovado (ie, quantas voltas dá num período de tempo, por norma um ano). Quantas mais voltas der melhor, porque isso indicará baixos níveis de stock (o que se traduz em menos capital empatado, menores riscos, etc - e qual é a gestão de topo que não gosta de ouvir isto?).

Parece que é só vantagens mas não é assim... uma elevada rotação de stocks deixa a sua Gestão satisfeita, mas o Cliente poderá não sentir o mesmo. Ou seja, a Rotação de Stocks está em conflito com o Nível de Serviço (outro Kpi da gestão da cadeia de fornecimento).

Um dos desafios da moderna gestão da cadeia de fornecimento é simultaneamente satisfazer os interesses da empresa e dos clientes!

A gestão da cadeia de fornecimento interessa-lhe?

Quer saber mais sobre este assunto?

Tem ideias e boas práticas para partilhar?
 
Veja mais informações sobre a segunda edição do MBA em Logística e Supply Chain Management.
 

João Paulo Pinto (https://www.linkedin.com/today/author/0_36zCMGZ-kbCITtJtIm8hVJ?trk=prof-sm)
03 Mar, 2016
2016 © CLT Services   |   Resolução de conflitos de consumo   |   Developed by Inovlancer 2016 © CLT Services
Resolução de conflitos de consumo
Developed by Inovlancer
DGERT
close
Em caso de litígio o consumidor pode recorrer a uma Entidade de Resolução Alternativa de Litígios de consumo:

CICAP – Tribunal Arbitral de Consumo
Rua Damião de Góis, 31, Loja 6, 4050-225, Porto
+351 22 550 83 49 / +351 22 502 97 91
cicap@cicap.pt
Mais informações em Portal do Consumidor www.consumidor.pt